fbpx
19 C
Conselheiro Lafaiete
quinta-feira, 29 outubro 2020
Início Regional Vereadores pressionam por reversão do terreno do Doces São João

Vereadores pressionam por reversão do terreno do Doces São João

Uma polêmica que se arrasta há quase 4 anos. Durante a sessão da Câmara, os vereadores elevaram o tom de cobranças exigindo a reversão do terreno do Doces São João, cedido a empresa pela prefeitura.
A novela já dura mais de 13 anos. O projeto de doação deu entrada na Câmara pela primeira vez em 2008 na gestão do prefeito Dr. Júlio (PT). E em 2013, já no governo de Dr. Ivar (PSB), a empresa ganhou mais tempo para iniciar as obras e que hoje área não teve a destinação correta para o desenvolvimento econômica, na geração de renda e emprego.

Vereadores pressionam por reversão do terreno do Doces São João/ARQUIVO

A discussão inflamou na votação do requerimento em que o Vereador Pedro Américo (PT) cobrou da Controladoria Geral do Município, a cópia da conclusão dos trabalhos referentes a Portaria 006/2020 que objetivou apurar eventual ação ou omissão ao erário público. “De novo o mesmo assunto. A gente desconhece porque ainda faltou coragem para reversão do terreno. E mais, a gente desconhece os critérios usados para doação de terrenos do Distrito Industrial. O Governo tem muitas coisas boas, mas deixou a desejar. Esperamos respeito do Executivo”, disparou o Vereador Alan Teixeira, quase esmurrando a mão na mesa, em sinal de revolta com a gestão municipal.
O Vereador Carlos Nem (PV) também voltou a criticar a letargia da administração na reversão do terreno. “Eu apresentei um grupo de empresários que iriam repor o valor investido aos Doces São João. Infelizmente, não houve interesse do Município e perdemos mais de 10 empregos”, assinalou.
“Nós não culpamos a empresa, mas a omissão do Município”, destacou Américo. Já Chico Paulo (PT) comentou que se houvesse interesse público na questão diversos empregos e oportunidade seriam geradas. “Uma fábrica de blocos gera amis de 10 empregos. Tantos empresários procurando um terreno”, indagou

Mais lidas

Jovem médica e bebê morrem em parto

Com pesar comunicamos que faleceu na madrugada de ontem, 10/10, no hospital Bom Jesus em Congonhas, por complicações no parto, a...

Centenas de médicos de todo o mundo assinam uma declaração alertando que a Covid-19 “é a maior fraude de saúde do século 21”

Pedem o fim do clima de terror, irracionalidade, manipulação e mentiras ligadas ao“ maior golpe de saúde do século 21 ”