Vereadores reclamam de mau atendimento nos PSF’s e demora na liberação de exames e consultas

14

Usando a Tribuna da Câmara o vereador Lúcio Barbosa (PSDB), cujo tema recorrentes em suas palavras é a saúde, voltou a reclamar do mau atendimento nos PSF’s de Lafaiete, além de demora exagerada em exames e consultas. “Tem pacientes que esperam por meses para um atendimento de fisioterapia. Os países mais avançados usam o modelo dos nossos PSF’s, mas lá eles funcionam. Tenho notícias de que pessoas esperam a visita de médicos há anos em suas casas. Não faltam recursos, mas gestão. A administração anterior ficaram 4 anos reclamando de dinheiro. Temos que buscar soluções. A Colônia de Diabéticos e a Assodilafa fazem um grande trabalho. Estas associações não podem ser encaradas como rivais, mas parceiras”, assinalou.

O vereador Chico Paulo (PT) denunciou que o PSF do bela Vista falta instalar há mais de um mês um bebedouro. “As pessoas pegam água nos vizinhos para as pessoas tomarem. O bebedouro está sem ligar por falta de um cano. Essas coisas o próprio secretário pode resolver. Tá vedo aí. Passaram dois prefeitos e não conseguiram inaugurar a Alfredo Elias Mafuz. Ele teve vontade política e conseguiu resolver a questão da Alfredo Elias”, observou.

O vereador Pedro Américo (PT) também criticou a situação da saúde. “Lá no bela Vista, os funcionários se reuniram e compraram um filtro para tomar água. Eles não ligam os bebedouro. Lá também não tem telefone e os funcionários usam os próprios celulares para ligarem. Um amigo meu ficou aos esperado por um exame e quando marcaram o paciente já tenha morrido. È vergonhosa a situação. Não é falta de dinheiro é humanidade”, criticou.

O prefeito Mário Marcus (DEM) anunciou a inauguração de 3 novas unidades de PFS’s, somente dois no Bairro São João, o mais populoso de Lafaiete.