25 de julho de 2024 06:39

Caixa autoriza saque do FGTS para 80 mil trabalhadores dentro destas regras

De acordo com informações da Caixa Econômica Federal, o banco autorizou que pelo menos 80 mil trabalhadores tivessem acesso ao saque do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) na modalidade calamidade. Essa é a opção oferecida para pessoas que têm saldo positivo na conta do fundo de garantia, e residem em locais onde houveram catástrofes naturais.

O saque do FGTS é autorizado em situações específicas, o trabalhador não pode retirar qualquer quantia desse fundo em todo mundo, é preciso uma justificativa. Na opção de saque calamidade o valor de no máximo R$ 6.220 fica autorizado a ser recebido, desde que o cidadão resida em um município que tenha decretado estado de calamidade pública.

São pelo menos 80 mil trabalhadores nessas condições. Sendo que a Caixa Econômica atualiza toda sexta-feira a lista de cidades que estão liberando esse benefício. A ideia é que com a quantia em mãos os cidadãos possam se reestruturar depois do desastre natural. Como: reconstruindo um cômodo da casa que foi atingido, emitindo novas vias de documentos perdidos, pagando aluguel de uma casa nova, e etc.

Nos primeiros meses do ano, de janeiro e fevereiro, devido as chuvas do verão, o saque do FGTS nessa modalidade estão cada vez mais comuns. Mas é preciso que os cidadãos fiquem atentos, porque existe um prazo para resgate da quantia que acontece de maneira online.

Cidades que autorizam o saque calamidade do FGTS
De acordo com a mais recente lista da Caixa Econômica, os seguintes municípios decretaram estado de emergência e por isso tiveram a autorização para liberar o saque do FGTS:

UF Município Prazo para solicitação de saque
ES Fundão 09/04/2023
GO Paraúna 14/03/2023
MG Poço Fundo 26/02/2023
Salinas 08/03/2023
São Gonçalo do Sapucaí 19/02/2023
Teófilo Otoni 08/03/2023
PR Cruzeiro do Oeste 24/04/2023
Ivaiporã 14/02/2023
Morretes 15/03/2023
Rondon 15/02/2023
São José dos Pinhais 26/03/2023
RJ Carapebus 19/03/2023
SC Águas Mornas 14/03/2023
Angelina 15/03/2023
Anitápolis 09/03/2023
Antônio Carlos 07/03/2023
Armazém 14/03/2023
Benedito Novo 21/03/2023
Biguaçu 26/03/2023
Brusque 14/03/2023
Campo Alegre 05/03/2023
Canelinha 14/03/2023
Florianópolis 15/03/2023
Joinville 05/03/2023
Palhoça 05/03/2023
Papanduva 19/03/2023
Porto Belo 18/04/2023
Rancho Queimado 15/03/2023
Rodeio 19/03/2023
Santo Amaro da Imperatriz 07/03/2023
São Bento do Sul 05/03/2023
São Domingos 06/03/2023
São João Batista 07/03/2023
São José 09/03/2023
São Martinho 19/03/2023
São Pedro de Alcântara 15/03/2023
Tijucas 05/03/2023
SP Capivari 11/04/2023
Lins 30/04/2023
Monte Mor 11/04/2023

Como fazer o resgate do saque do FGTS
O saque do FGTS na modalidade calamidade libera a quantia máxima de R$ 6.220, desde que não tenha sido retirado nessa mesma modalidade nos últimos doze meses. O pedido pode ser feito de forma presencial, ou online da seguinte forma:

Ao acessar o APP FGTS, clique na opção “Meus Saques”; ​
Escolha a opção “Outras Situações de Saques”; ​
Selecione o motivo do Saque “Calamidade Pública”; ​
Selecione o munícipio de sua residência e clique em​ “Continuar”; ​
Escolha uma das opções para receber seu FGTS​:
Crédito em conta bancária de qualquer instituição; ou,
Sacar presencialmente. ​
Faça Upload dos documentos requeridos (comprovante de residência, de identificação, e etc.);
Confira os documentos anexados e confirme; ​
A CAIXA irá analisar sua solicitação e caso esteja tudo certo, o valor será creditado em sua conta.

Fonte FDR: https://fdr.com.br/2023/02/13/caixa-autoriza-saque-do-fgts-para-80-mil-trabalhadores-dentro-destas-regras/

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade