18 de junho de 2024 21:18

INFERNO NO TRÂNSITO: falta de informação sobre interdições afeta a economia regional e vida das pessoas, pontua Oswaldo Barbosa

Nas últimas 3 semanas o lafaietense sofre com engarrafamentos e um inferno no trânsito em função de desvios e interdições no trânsito, principalmente a parte baixa da cidade  Uma das obras que afeta a vida dos cidadãos é a galeira pluvia que pretende por fim as enchentes na área central. A outra é o viaduto da MRS que deve ser inaugurado ainda no primeiro semestre. As duas obras somadas chegam a um investimento de R$ 50 milhões.

Rconhecendo a importãncia das obras, o Vereador Oswaldo Barbosa (PP) tem sido uma voz em favor dos moradores principalmente alertando para a falta de comunicação sobre as mudanças no trânsito. Sua proncipal crítica é quando a falta de conograma para dar previsibilidade ao lafaietense impactado.

Nesta semana, usando mais uma vez a Tribuna, Oswaldo voltou ao tema afirmando que foi procurado por duas mineradoras que sofrem com as constantes intervenções e afetam diretamente a produção. Por duas vezes foram canceladas reunião entre os empresários e Executivo, com o objetivo de buscar alternativas menos impactantes, mas elas foram canceladas.

“O impacto é gigantesco tanto na vida dos cidadãos comuns como na empresas. Há impacto logístico, na produção, no atraso dos ônibus, na vida dos motoristas que levam e trazem trabalhadores, com um dura rotina de trabalho, como também na jornada de trabalho desta massa de trabalhadores. Temos que ter previsibilidade nas obras pára organização das empresas. As mudanças do trânsito afetam a vida de toda a região. Faltam conograma e planejamento. Até agora não sabemos quanto tempo o transito será desviado em função da obra da galeria pluvial”, questionou Oswaldo.

Segundo a MRS, amanhã (26), por volta das 12:00 horas, conforme previsto, termina o lançamento de vigas no viaduto, quando o trânsito volta a sua rotina.

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade