Enquanto Barbacena recebe veículos novos com bilhete a R$3,35, Lafaiete ganha aumento na passagem de R$3,30 e usuário é obrigado empurrar ônibus nas ruas

25

Em Lafaiete, povo é obrigado a pagar bilhete e empurrar ônibus velho e estragado nas ruas

 

Empresa concessionária do transporte público em Barbacena renovou sua frota

Duas cidades vizinhas, mas dois modelos de transporte urbano. Desde o mês de maio, os usuários dos coletivos de Barbacena contam com novos ônibus para ofertarem um serviço de qualidade. Aos menos 14 veículos 0 km chegaram a cidade renovando a frota da Empresa Cidade das Rosas Transporte Coletivo, concessionária do transporte público. O valor da tarifa em Barbacena foi reajustado em janeiro saltando de R$3,10 para R$3,25.

Lafaiete

Enquanto isso, os usuários lafaietenses vivem uma realidade distante e oposta. Apelidados de “carroças”, os ônibus da Viação Presidente empurram ao usuário um serviço desprezível e um atendimento de péssima qualidade em uma total afronta e desrespeito aos direitos e dignidade dos lafaietenses. Como todos assistem calados e submissos a esta realidade, o cidadão paga a conta com um aumento, um tanto quanto discutível à revelia da lei.

Isso porque um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), assinado entre a Viação Presidente e o Municípios prevê que os reajustes de tarifas serão concedidos caso a empresa concessionária justifique seus gastos operacionais. Não houve sequer a anuência do Conselho Municipal de Transporte (DMT) e muito menos a realização de uma audiêcia pública para discutir o aumento.

O reajuste foi imposto, mesmo diante do descalabro do transporte público, passado a vigorar a partir de segunda feira (24), passando de R$3,00 para R$3,30,  sendo que o Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M), acumulado em 2018 chegou a 7,55%, o que afetará a renda do trabalhador.

O aumento vem em um momento em que a empresa é alvo de denúncias devido à péssima qualidade no serviço prestado com carros que, frequentemente, estragam nas vias públicas, acidentes por defeitos mecânicos e frota sucateada. Em muitos caos, passageiros já tiveram até que empurrar o ônibus para conseguir chegar ao destino.

Já que a empresa nem se lixa para Lafaiete, porque a prefeitura não antecipa

a licitação para um nova concessionária para o transporte público em Lafaiete? Ou o povo continuará sem castigado?