Igreja Nossa Senhora da Ajuda é entregue restaurada à comunidade do Alto Maranhão

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Saudando Nossa Senhora da Ajuda, a comunidade do Alto Maranhão celebrou na noite dessa terça-feira, 6, a entrega oficial da restauração da igreja dedicada à padroeira do distrito. Assim que as portas se abriram, o Coral Cidade dos Profetas deu as boas-vindas aos moradores e visitantes, que puderam observar, de perto, as intervenções minuciosas feitas em seus elementos artísticos. Este momento histórico marcou, ainda, o início da tradicional festa religiosa em homenagem à Santa, que vai até o próximo dia 15.

A programação começou com a celebração eucarística, ministrada pelo reverendíssimo padre Eduardo Bastos no Espaço Celebrativo. Em seguida, os fiéis, acompanhados pela Banda N. Sra. da Ajuda, se encaminharam ao adro do templo, onde foi levantado o mastro. A cerimônia oficial contou com a presença do prefeito Zelinho; do vice-prefeito Arnaldo Osório; da vereadora Patrícia Monteiro; do secretário de Gestão Urbana, Adivar Geraldo Barbosa; e da coordenadora do Conselho Comunitário de Pastorais da Igreja de N. Sra. da Ajuda, Maria da Paz.

Datada de 1746, a Igreja Nossa Senhora d’Ajuda passou por uma restauração feita pela Prefeitura, em parceria com o Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (IEPHA/MG). Além desse bem histórico, já foram entregues as restaurações da Matriz de Nossa Senhora da Conceição, da Igreja Nossa Senhora do Rosário e da Basílica do Senhor Bom Jesus. A Igreja de São José Operário também recebeu pintura externa.

Esses investimentos na preservação do patrimônio de Congonhas foram destacados pelo prefeito Zelinho, que anunciou uma novidade: a Prefeitura está trabalhando junto ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) para tombar a Igreja Nossa Senhora d’Ajuda, que já é tombada pelo Município e pelo Estado. “Parabéns, comunidade, esta é uma conquista de vocês. A Prefeitura teve seu papel, como é de sua obrigação. Agradeço a Deus por me dar a oportunidade de estar como prefeito e restaurar todas as igrejas de Congonhas. E hoje, aqui no Alto Maranhão, entregar, juntamente com o padre Eduardo, esta joia que é a nossa Igreja do Alto Maranhão, na abertura da novena”, completou.

Segundo a coordenadora do Conselho Comunitário de Pastorais da Igreja de N. Sra. Da Ajuda, Maria da Paz, estudos feitos pela historiadora Myriam Andrade Ribeiro apontam que os elementos artísticos da igreja são anteriores a 1730. “Temos conosco um belíssimo patrimônio”, enfatizou. “A comunidade ansiava muito por este momento. Estamos finalizando uma etapa e iniciando outra porque a igreja, uma vez entregue à comunidade, precisa de cuidados, precisa ser zelada por toda a vida. Creio que a comunidade, unida, dará continuidade agora àquilo que for preciso”, destacou.

A importância histórica da Igreja Nossa Senhora d’Ajuda não só para o Alto Maranhão, mas para toda a região, também foi pontuada pelo secretário de Gestão Urbana, Adivar Geraldo Barbosa.

O reverendíssimo padre Eduardo Bastos abençoou o templo e pontuou a união entre a Igreja e poder público na preservação dos bens históricos e religiosos. “Nós trazemos aqui antepassados que nos deixaram este legado tão especial, da nossa fé, da nossa devoção a Nossa Senhora da Ajuda. Aqui está este templo tão precioso, um patrimônio muito especial para o município e, sobretudo, para o nosso coração. Por isso, gratidão a Deus por nossa presença, pela história constituída e pela história que vamos ainda construir e constituir a partir de hoje”, disse.

Devota de Nossa Senhora da Ajuda, a moradora do Alto Maranhão, Maria de Lurdes Rodrigues da Silva, comemorou: “É uma emoção muito grande para nós, foi um presente muito bom que recebemos. Ficamos muito felizes com ela aberta de novo. Amamos muito essa igreja. Representa tudo na nossa comunidade, porque sem essa igreja e sem a festa de Nossa Senhora da Ajuda, não temos nada”.

Restauração

A Prefeitura investiu na substituição da estrutura de madeira do telhado, substituição parcial de telhas, amarração, restauração parcial do forro, execução de guarda-pó, imunização, reposição de tirantes, proteção de elementos e outros serviços. Também realizou a estabilização da alvenaria, com injeção de aglomerantes especiais que permitiram a manutenção do estado atual das paredes, o afastamento do risco de ruína e evitou o processo traumático da demolição e reconstrução da mesma.

A Prefeitura também fez a complementação das obras de restauração arquitetônica proposta anteriormente e as instalações do Projeto de Prevenção e Combate a Incêndio e Pânico.

Já o IEPHA está fez a restauração do programa iconográfico do forro da capela-mor, que apresenta 25 quadros, organizados em um forro artesoado de caixotões montados em gamela, com cinco fileiras de cinco quadros cada uma. São 25 estampas, contando um quadro cuja representação se perdeu. Foi restaurado o altar principal da Igreja e seus elementos artísticos. Também foi feita a drenagem do adro.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
FacebooktwitterFacebooktwitter

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *