Padre João vem a Lafaiete para discutir segurança alimentar

18

Por iniciativa dos vereadores Francisco Paulo (Chico Paulo) e Pedro Américo (Pedrinho), a câmara dos vereadores de Conselheiro Lafaiete, lideranças e movimentos, discutirão sobre Segurança Alimentar e Nutricional. O debate, que acontece na tarde desta sexta-feira, dia 26, a partir da 14H, contará com a presença do deputado federal Padre João do (PT – MG).

Padre João tem a Segurança Alimentar e Nutricional como uma das principais bandeiras de seu mandato. Ele está sempre ao lado da agroecologia e da agricultura familiar. Na Câmara dos Deputados, Padre João está na luta, junto com a Frente Parlamentar de Segurança Alimentar e Nutricional no Congresso Nacional (FPSAN/Brasil), criada em 2007.

Padre João estará em Lafaiete para discutir segurança alimentar/REPRODUÇÃO

A frente é uma ferramenta de apoio à tramitação de propostas legislativas, que ajudem a democratizar o acesso regular e permanente de todos os brasileiros aos alimentos de que necessitem. Precisamos debater e fortalecer a agricultura familiar, garantir alimentos de qualidade à mesa do consumidor, livres de agrotóxicos.

Também, por iniciativa do deputado Padre João, a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados realizou uma audiência pública nesta quinta-feira (25) para discutir o impacto da Medida Provisória 870/19 nas políticas de Segurança Alimentar e Nutricional. O debate contou com a participação de especialistas, parlamentares e sociedade civil organizada. Um pouco dos desdobramentos da audiência é que o parlamentar comentará na reunião pública em Lafaiete.

Governo Bolsonaro tem fome de agrotóxico

Infelizmente o Brasil é um dos maiores consumidores de agrotóxicos em todo o mundo. No país, a palavra ‘agrotóxico’ é utilizada para denominar os defensivos agrícolas, pesticidas, praguicidas, biocidas, agroquímicos, produtos fitofarmacêuticos ou produtos fitossanitários, mas todos são produtos químicos usados na agricultura. Infelizmente o governo vem liberando medidas e afrouxando o uso dos agrotóxicos.

O governo Bolsonaro já liberou mais de 54 novos agrotóxicos. “Um crime contra a saúde pública, contra o meio ambiente. “Nossa luta é pela segurança alimentar, com alimento limpo e saudável, livre de agrotóxico, através da produção agroecológica e orgânica. Pela saúde do povo no campo e na cidade, pela preservação do planeta, da nossa mãe terra, ‘Nossa Casa Comum’, como disse o nosso Papa Francisco”, afirma Padre João.

Ainda, de acordo com o Padre João, o governo de Bolsonaro é antipovo, e o Brasil já está de volta ao mapa da fome. “O atual governo extinguiu ministérios, secretarias e, por último, acabou com todos os Conselhos [de participação social]. Como se isto não bastasse, vem reduzindo recursos nas políticas que ainda existem. Não vamos permitir mais retrocessos, vamos lutar para restabelecer a segurança alimentar no Brasil”, frisa o parlamentar.