Policia identifica autor de incêndios criminosos seguidos de roubos em Lafaiete

11

A Polícia Civil de Minas Gerais concluiu, nesta terça-feira (19), a investigação acerca de casos de furto seguido de incêndio em residências de Conselheiro Lafaiete.

O primeiro caso ocorreu em dezembro de 2018 no bairro Lima Dias quando a vítima, de 41 anos, chegou em sua casa e encontrou o local em chamas. Após o fogo ser controlado a vítima constatou a falta de diversos pertences.

A segunda ocorrência foi em janeiro de 2019, agora no bairro Santa Efigênia. Se deparando com a mesma situação do primeiro crime, a vítima além de encontrar a residência já pegando fogo, também relatou a falta de diversos objetos, entre aparelhos eletrônicos, dinheiro e joias.

O suspeito foi identificado pela equipe policial, sendo pessoa já conhecida no meio pela prática de outros crimes. Na casa do indivíduo foram apreendidas roupas utilizadas na ação criminosa e parte do material furtado. A prisão preventiva do suspeito, de 24 anos, foi decretada e cumprida no sistema, tendo em vista que o mesmo já se encontrava no Sistema Prisional por outros crimes. Permanecendo à disposição da Justiça.