13 de junho de 2024 15:08

Festa popular em MG tem ‘corrida de galinha’ e concurso de ‘roedor de pequi’

A programação começa na noite desta sexta-feira (12/01) e prossegue até a noite de domingo (14/1)

Com pouco mais de mil moradores, o pequeno distrito de Alto Belo (município de Bocaiúva), espera receber cerca de cinco mil visitantes neste fim de semana. O motivo da “Invasão” é a Festa do Terno de Folia de Reis de Alto Belo, que além de apresentações de shows da cultura popular, agrega competições inusitadas, como corrida de galinha, corrida de cavalo de pau, corrida de jegue e “concursos atípicos”, como o de roedor de pequi mais rápido e o maior chupador de limão, sem fazer careta. 

A programação começa na noite desta sexta-feira (12/01) e prossegue até a noite de domingo (14/1). Nesta sexta-feira, haverá apresentação do Terno de Folia de Reis de Alto Belo e shows artísticos. Um deles é o músico Eduardinho do Acordeon. A festividade, que chega a sua 42ª edição, é organizada pelo compositor, cantor e escritor Téo Azevedo, também seu idealizador, com objetivo de incentivar a preservação da “moda caipira”. 

Capa do caderno de Cultura do Estado de Minas está exposta em memorial de Téo Azevedo
Capa do caderno de Cultura do Estado de Minas está exposta em memorial de Téo AzevedoArquivo pessoal

A celebração, neste ano, marca também a instalação – em Alto Belo – de um memorial do próprio Teo Azevedo, que nasceu no lugarejo e é considerado uma das maiores expressões da cultura popular brasileira. Ele contabiliza mais de 2,5 mil músicas gravadas, cerca de três mil trabalhos e por volta de mil histórias de cordel escritas, além de 12 livros lançados.

Um dos destaques do memorial é uma reportagem do Estado de Minas sobre a trajetória de Azevedo, publicada por ocasião da comemoração dos 80 anos do artista (2 de julho de 2023). Entre outros feitos, em 2013, ele ganhou o cobiçado Prêmio Grammy Latino com “Salve Gonzagão – 100 anos”, na categoria melhor álbum de música-raiz. Também conviveu e firmou parcerias com Sérgio Reis, Zé Ramalho e Luiz Gonzaga, entre outros.

A 42ª Festa do Terno de Folia de Reis de Alto Belo também conta com uma atração internacional. Trata-se do grupo folclórico Los Castillos, do Paraguai, que se apresentará na noite de sábado. “Os povos da América Latina são todos irmãos. A nossa intenção é mostrar isso através da cultura popular”, assegura Téo Azevedo.

A festa terá as provas inusitadas e divertidas (no período diurno) durante os seus três dias, sendo elas: corrida de jegue, corrida de galinha, corrida de porco, corrida de cavalo de pau, corrida de costas e corrida de carrinho de mão. Também são disputados concursos esquisitos como: “Mais rápido roedor de pequi”, “Mais rápido comedor de farinha com rapadura”, “Melhor chupador de limão sem fazer careta”, “Melhor contador de mentiras”, “Melhor contador de causos” e “Risada mais engraçada”.


Uma outra “competição” do evento: o melhor imitador de Téo Azevedo

Téo Azevedo comanda a Festa de Alto Belo
Téo Azevedo comanda a Festa de Alto BeloLuiz Ribeiro/DA Press . 27.06.2023

Os vencedores recebem pagamentos em dinheiro, em valores simbólicos. Azevedo ressalta que criou as provas e concursos inusitados com o objetivo de proporcionar diversão, alegria e, também, de incentivar a preservação às tradições da região, valorizando da música de raíz.

“Misturei a religiosidade católica com a cultura popular. Foi uma junção que deu certo, um baião de dois”, afirma o artista. Ele salienta que também incentiva a música caipira e o interesse pela Folia de Reis, visando as novas gerações. Para isso, montou um pequeno projeto em Alto Belo, que “ensina” as tradições para crianças e adolescentes.

FONTE ESTADO DE MINAS

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade