16 de junho de 2024 01:46

Vereador é preso após agredir filha com socos no rosto e ameaçar policiais com faca

Homem apresentava sinais de embriaguez e resistiu à prisão

O vereador de Jacuí, no Sul de Minas, Célio Batista da Silva (PSDB), foi preso em flagrante na noite do último domingo (30) suspeito de agredir a própria filha, de 23 anos, com socos e ameaçar policiais militares com uma faca.

Segundo a Polícia Militar, ao chegar ao local do crime, os militares tentaram convencer o homem a soltar a faca, porém ele recusou. O vereador ainda foi em direção aos militares com o objeto e fez ameaças. A PM informou que o parlamentar apresentava sintomas de embriaguez.

Ainda durante a ocorrência, a filha do vereador disse aos militares que havia sido agredida com socos no rosto após um desentendimento familiar. O namorado da mulher, de 31 anos, também disse à polícia que tentou conversar com Célio, porém, sem sucesso. 

Tanto o vereador quanto a filha dele foram levados para atendimento médico. Na unidade de pronto atendimento o homem teria novamente tentado agredir os policiais e precisou ser contido. Após exames, os dois foram liberados. 

À polícia, o vereador alegou que as agressões contra sua filha se deram como forma de defesa.  O caso foi encaminhado para a Polícia Civil.

Itatiaia entrou em contato com a Câmara Municipal de Jacuí e aguarda retorno sobre o caso. A reportagem também fez contato com o vereador, que ainda não se pronunciou. O espaço permanece aberto para eventuais esclarecimentos.

FONTE ITATIAIA

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade