12 de junho de 2024 15:10

Novo Radar Assusta Motoristas Aplicando O Dobro De Multas

Um novo terror está surgindo nas estradas brasileiras: o radar doppler. Este dispositivo de fiscalização de trânsito promete colocar um fim nas artimanhas dos motoristas imprudentes, aplicando multas até mesmo para aqueles que tentam burlar os radares tradicionais.

Diferente dos radares convencionais, que utilizam laços físicos para medir a velocidade dos veículos, o radar doppler emite ondas eletromagnéticas contínuas, captando a mudança na frequência dos carros. Com essa tecnologia, não há escapatória: a cobertura alcança quatro faixas, sem espaço para desvios.

Além de detectar o excesso de velocidade, o radar doppler é capaz de identificar uma série de outras infrações, como parar na faixa de pedestres, direção na contramão, conversão proibida, avanço do sinal vermelho e até mesmo o uso do celular ao volante.

Uma das vantagens mais significativas deste novo equipamento é sua instalação não intrusiva. Não é necessário destruir o pavimento para sua colocação, e a manutenção não causa obstrução do tráfego, proporcionando maior fluidez nas vias.

Atualmente, já são 731 desses dispositivos monitorando o trânsito em 24 dos 27 estados do Brasil. Na capital paulista, São Paulo, sete deles já estão em ação. E o objetivo é claro: aumentar cada vez mais sua abrangência, impedindo que motoristas irresponsáveis fiquem impunes.

O nome do radar é uma homenagem a Christian Andreas Doppler, físico austríaco que descobriu o efeito no século XIX. No entanto, para os motoristas imprudentes, esse nome pode se tornar sinônimo de multas dobradas e maior rigor nas estradas. O recado é claro: pense duas vezes antes de desafiar o radar doppler.

FONTE COLUNA FINANCEIRA

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade