Avanço do coronavírus em Piranga e notificação do MP forçam prefeitura de Senhora de Oliveira a recuar na abertura do comércio

21

Durou menos de 5 dias o Decreto em vigor em que reabria em caráter experimental diversas atividades

O Prefeito Ricardo Milagres / DIVULGAÇÃO

econômicas como lojas, bares e restaurantes em Senhora de Oliveira. O município foi notificado pelo Ministério Público e também diante do crescimento da doença na vizinha Piranga, que já registrou 5 caso e um óbito, o Prefeito Ricardo Milagres e sua equipe recuram e mantiveram em funcionamento apenas atividades essenciais.
Pelo Decreto nº 043/2020 revogou o anterior e estabelece medidas mais rígidas do distanciamento como um cliente para cada 2 metros quadrados nos comércios, como também a disponibilização de álcool gel e higienização.
As filas devem respeitar o distância de 2 metros entre clientes e aglomeração. O uso das máscaras é obrigatório no Município.

 

Leia mais

Pelo 3° dia consecutivo, Piranga confirma paciente infectado e chega a 6º caso de coronavírus

Mesmo com um quadro grave na vizinha Piranga, cidade inicia reabertura gradual do comércio