21 de julho de 2024 23:48

Parentes e amigos de Iara Natali contestam versão de ex-companheiro sobre suposto suicídio

Amigos da vítima não acreditam na versão contada por Matheus Cindra à polícia e dizem tratar-se de crime de feminicídio. Ex-companheiro da vítima encontra-se desaparecido!

A jovem Iara Natali, de 28 anos, encontrada morta no bairro Santíssima Trindade, em Tiradentes, na manhã dessa quinta-feira (23) está comovendo a pequena cidade histórica. A versão contada pelo ex-companheiro da vítima, Matheus Cindra, de 29 anos, não convenceu amigos e parentes de Natali, e o mesmo encontra-se desaparecido.

Segundo a versão do ex-companheiro da vítima aos policiais, o mesmo compareceu à Delegacia de Polícia Civil de Tiradentes na madrugada de quinta, junto com a mãe da vítima, LM, 51 anos, a fim de registrar boletim de ocorrência pela morte da de Iara Natali, 28 anos. Matheus relatou à polícia que os dois estavam em um bar no centro de Tiradentes, e que logo depois, se deslocaram sentido bairro Mococa, e pelo caminho fizeram o uso de maconha.

Iara Natali Silveira, encontrada morta em Tiradentes. Foto: Facebook

Ao chegarem a residência, Matheus disse ter ido tomar um banho. Pouco depois, segundo ele, Iara teria começado a gritar, dizendo que o rapaz estava demorando no banho e começaram a discutir. Para evitar briga, Matheus informou que trocou de roupa e saiu de casa quando Iara gritou: “Se você não sair, não vai me encontrar mais”. Ele disse ter ido para a escadaria da Igreja da Santíssima Trindade. Após um tempo, mandou mensagem para a mesma perguntando se já poderia voltar. Como não obteve resposta, retornou.

Ao abrir a porta de casa, Matheus alegou encontrar Iara caída ao chão e, próximo dela, uma faca. De imediato, teria acionado a mãe da vítima e a polícia. Também chamaram o SAMU, que quando chegou lá, encontrou a jovem sem os sinais vitais, com perfurações de faca no braço e no pescoço.

A polícia civil recolheu o celular da vítima, uma faca e algumas pontas de cigarro de maconha e realizou o boletim de ocorrência, porém ninguém foi preso e a polícia civil segue investigando o caso.

A versão contada por Matheus não convenceu amigos e parentes de Iara. Uma fonte próxima da vítima informou ao Mais Vertentes que a morte pode ter sido feminicídio. Segundo a fonte, os mesmos viviam brigando e Iara já teria sido vítima de agressões por parte de Matheus. Segundo a fonte próxima da vítima, o laudo confirmou que ela foi assassinada por volta das 23h40 e, segundo informações, “Matheus procurou a polícia horas depois, já com outra roupa, obviamente, e simulou ter ligado para ela procurando, mandando mensagem e, sem ela atender, ele alegou ter ido na casa dela e encontrado morta”, informou. “Quando ele desceu para a casa da mãe dela chorando, falando que ela tinha se matado; não acreditamos nesta versão, ele é um psicopata”, comentou uma amiga da vítima.

O laudo também aponta que houve luta corporal, cortes nas mãos da vítima como defesa e no pescoço. Segundo a testemunha, houve também demora por parte da polícia em chegar ao local. 

Até o momento, ninguém foi preso e não há informações se o companheiro da vítima possa ser suspeito. Testemunhas alegam também que Matheus desapareceu da cidade após ter sido liberado pela polícia que, segundo informações, pode ser para evitar linchamento. Porém, amigos e parentes de Iara Natali não acreditaram nesta versão e estão revoltados pela liberação de Matheus mesmo em flagrante. “Conhecemos a Natali e sabemos que ela não faria uma barbárie dessa!”, informou uma amiga.

Procuramos a Polícia Civil de Tiradentes e São João del-Rei desde ontem, mas até o momento não obtivemos retorno. Pelas redes sociais e grupos de WhatsApp, parentes e amigos da vítima estão compartilhando fotos de Matheus e Iara chamando-o de “assassino” e que ele “está foragido”, pedindo para quem o encontrar denunciar. Segundo amigos, Matheus Cindra é natural do Rio de Janeiro onde acreditam que o mesmo possa ter ido.

Nossa equipe se solidariza com os familiares e amigos de Iara.

FONTE MAIS VERTENTES

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade