30 de maio de 2024 18:58

Moeda rara de R$ 1, conhecida como Perna de Pau, vale até R$ 20 MIL

A moeda “perna de pau”, por si só, tem pouco valor. Mas algumas delas são valiosas devido a erro de cunhagem.

Uma moeda rara de R$ 1, que foi emitida em 2016 pelo Banco Central, pode valer uma verdadeira bolada no mercado de colecionadores. Ela possui características específicas devido ao erro de cunhagem na época.

Em termos gerais, a moeda é conhecida de maneira pejorativa como “perna de pau” justamente pela imagem ilustrada no objeto. Até porque o desenho faz alusão aos atletas que usam próteses na perna.

A moeda em específico faz parte da coleção dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016, que foram sediadas no Rio de Janeiro. Ao todo, existem 16 modelos diferentes dos metais que estão espalhados pelo país.

Mas, para que a moeda perna de pau tenha valor no mercado de colecionadores, ela também deve contar com algumas características bem específicas, que vamos explicar ao longo da matéria.

Vale ressaltar, por outro lado, que o site Missão Geek não tem vínculo com nenhum colecionador. Nós também não vendemos ou compramos moedas consideradas como valiosas no país. Nossa matéria tem caráter meramente informativo.

Caso queira vender alguma moeda que você ache que possui valor por ser rara, entre em contato diretamente com colecionadores que estejam dispostos a negociar a venda. Combinado?

Qual moeda de R$ 1 vale até R$ 20 mil por ser rara?

A moeda “perna de pau”, por si só, tem pouco valor no mercado de colecionadores. Mas algumas delas são extremamente valiosas devido a erro de cunhagem em 2016. A moeda bastante cobiçada pelos colecionadores é aquela conhecida como bifacial.

Ou seja, quando o desenho gravado no objeto aparece nos dois lados (tanto cara como coroa). Um usuário do TikTok, inclusive, está disposto a pagar cerca de R$ 20 mil na moeda de R$ 1, desde que seja bifacial e tenha a ilustração dos atletas que usam próteses nas pernas.

Vale destacar que os demais modelos de moedas dos Jogos Olímpicos também possuem valor para os colecionadores, dependendo do estado dos objetos e do nível de raridade de cada uma delas.

Outra moeda bastante visada é a que foi cunhada em 1998. Ela tem a letra “P” inscrita na parte inferior do metal, estando catalogada com o nível R5 de raridade no país. Inclusive, essa moeda tem valor de até R$ 10 mil, dependendo do colecionador disposto a negociar a compra do item valioso.

E aí, você tem alguma dessas moedas? Vale a pena conferir as características para realmente verificar se elas são raras ou não. Lembre-se que o estado de conservação também conta bastante no valor final durante a venda.

FOTNE MISSÃO GEEK

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade