12 de abril de 2024 11:02

13º Salário do INSS 2024: Governo Lula Mantém Pagamento no Segundo Semestre

No início de 2023, o Governo Lula modificou o pagamento do 13º salário do INSS, processo que injetou significativos R$62,6 bilhões na economia brasileira e ajudou mais de 32,5 milhões de pessoas. Qual será a decisão em relação ao pagamento deste subsídio em 2024?

O que mudou no pagamento do 13º salário em 2024?

Apesar da expectativa de muitos brasileiros pelo anúncio de uma antecipação do pagamento do 13º salário do INSS para 2024, a informação oficial é de que o pagamento continuará a ser feito no segundo semestre do ano. Segundo o INSS, não haverá antecipação do pagamento do benefício este ano.

Para os beneficiários, o valor do 13º salário será equivalente a um aumento de 8,4% para os aposentados que recebem pelo salário mínimo e 3,71% para os que recebem acima do mínimo.

Impacto do 13º salário na economia em 2024

A antecipação do pagamento do 13º salário, como foi feito em 2023, tem um grande impacto económico positivo, pois aumenta o poder de compra dos beneficiários, impulsionando o consumo e estimulando diversos sectores. No entanto, para 2024, o INSS confirmou que seguirá a mesma política de anos anteriores, com o pagamento no segundo semestre, a menos que as circunstâncias atuais se alterem.

O futuro do 13º salário do INSS e as expectativas dos brasileiros

Embora o pagamento do 13º salário para 2024 venha a ocorrer no segundo semestre, como confirmado pelo INSS, muitos brasileiros encontram-se ansiosos e na expectativa de receber esse benefício financeiro, especialmente considerando as incertezas atuais em relação ao futuro, causadas pela pandemia da COVID-19.

As realidades futuras podem impactar fortemente a decisão do Governo sobre o pagamento do 13º salário. Desta forma, mudanças na política de pagamento do benefício podem ocorrer, levando em conta as medidas para combater a pandemia e a situação económica do país.

Calendário de pagamentos do 13º salário do INSS

O pagamento do 13º salário do INSS é realizado em duas parcelas. A primeira corresponde a 50% do benefício e é liberada com o salário de agosto. A segunda parcela vem com o desconto do Imposto de Renda para os beneficiários que são tributáveis e é liberada com o salário de novembro.

O calendário de liberação da 1ª parcela tem início em 26/08, para aqueles que recebem até 1 salário mínimo e tem o número final do benefício 1, e vai até 06/09, para quem tem o número final 0. Para aqueles que recebem mais de 1 salário mínimo, o pagamento inicia em 02/09 e termina em 06/09, dependendo do número final.

A liberação da 2ª parcela ocorre entre 25/11 e 06/12, também variando de acordo com o número final do benefício e o valor do salário que o beneficiário recebe.

FONTE BM&C NEWS

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade