12 de junho de 2024 16:52

Coral Cidade dos Profetas apresenta concerto com obras inéditas da música colonial mineira em Itabirito

Em sua missão de resgatar, preservar e compartilhar a rica herança musical de Minas Gerais, o Coral Cidade dos Profetas de Congonhas/MG se prepara para encantar o público de Itabirito com um concerto que abrange obras inéditas resgatadas do período colonial. A apresentação será realizada no domingo, 9 de junho, às 20h, na Matriz Nossa Senhora da Boa Viagem, com entrada gratuita, e terá participação especial do Coral Canarinhos de Itabirito e do maestro Éric Lana.

Para compartilhar essas preciosidades com o público, no último ano, o Coral Cidade dos Profetas realizou um extenso trabalho de pesquisa e resgate de peças que pertencem ao acervo do maestro Francisco Solano Aniceto e que não eram executadas desde o Século 18. Entre elas, estão “Responsório A4”, de Francisco Gomes da Rocha, “Ó Lingua Benedicta”, de Padre João de Deus, e “Tota Pulchra”, de autoria desconhecida. O projeto foi feito em parceria com a Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG), detentora do conjunto.

Essa conexão com a música antiga de Minas Gerais teve um significado profundo para os membros do Coral Cidade dos Profetas. “Nos sentimos privilegiados por termos acesso a esse acervo junto à UEMG e orgulhosos por levarmos essas obras ao público. As pessoas que nos assistem se sentem encantadas quando escutam e apreciam, em pleno 2024, um repertório escrito há mais de 200 anos”, destaca o maestro José Herculano Amâncio.

A paixão pela arte sacra foi o que levou Marco Carmo a fazer parte do Coral Cidade dos Profetas. Para ele, é uma alegria resgatar essas partituras e, com isso, exaltar a beleza da arte mineira. “Cada experiência em uma igreja nova, com um público novo, é sempre renovadora. Causa uma esperança grande ver a arte barroca florescendo, caindo aos ouvidos de outras pessoas, para que elas possam se apaixonar como eu me apaixonei”, completa.

O concerto em Itabirito faz parte do “Plano Anual Coral Cidade dos Profetas 2024”, aprovado pela Lei Rouanet do Ministério da Cultura e que conta com patrocínio master do Instituto Cultural Vale, patrocínio da CSN e apoio da Prefeitura Municipal de Congonhas e da Reitoria da Basílica do Senhor Bom Jesus de Matosinhos.

Coral Cidade dos Profetas

Especializado na interpretação de música sacra antiga e com três CDs gravados — “Missa em Fá de Lobo de Mesquita”, “Mestres do Colonial Mineiro” e “CD em Louvor à Virgem Maria” —, o Coral Cidade dos Profetas desenvolve, há mais de 30 anos de atuação, o pioneiro trabalho de proteção deste patrimônio imaterial do país. Ao longo da trajetória, o Coral tem participado dos eventos mais significativos de Minas como Semana Santa, Festivais de Inverno, bem como Festivais e Encontros de Corais Nacionais e Internacionais.  Mantido pela Associação Cultural Canto Livre, o grupo oferece também, gratuitamente, por meio da Associação, formação musical para pessoas de 10 a 90 anos, sendo reconhecido como uma das mais belas manifestações culturais do interior de Minas.

Serviço:

Coral Cidade dos Profetas apresenta concerto com obras inéditas resgatadas do período colonial

Data: 9 de junho – domingo, às 20h

Local: Matriz Nossa Senhora da Boa Viagem (Praça Dom Silvério, 10 – Boa Viagem, Itabirito)

Entrada Gratuita.

Mais Notícias

Receba notícias em seu celular

Publicidade