Vereadores cobram apoio a agricultura familiar e venda de produtos a alimentação escolar

26
Vereadores cobram apoio a agricultura familiar e venda de produtos a alimentação escolar / CORREIO DE MINAS

Na volta do recesso parlamentar, os vereadores de Lafaiete promoveram uma ampla discussão em torno do requerimento do representante municipal, Pedro Américo (PT). Ele solicitou informações a Secretaria de Desenvolvimento Econômico informações sobre o mapeamento da vocação agrícola como forma de criar mecanismos de incentivo a organização e associações visando a inserção das comunidades produtivos o aceso a programa de alimentação escolar. “Infelizmente, falta vontade política para promoção da agricultura familiar. Quando há uma licitação para aquisição de alimentação escolar, produtores de diversas cidades da região e até mesmo do Espirito conseguem vender para a secretaria de educação. Nossa economia perde uma grande oportunidade de potencializar o setor, mas produtores precisam de apoio e incentivo”, justificou Américo.
O Vereador Fernando Bandeira (PTB)citou o exemplo de Catas Altas da Noruega na qual a agricultura familiar é uma das fontes de geração de emprego e renda. “Temos que nos espelhar nos bons exemplos na nossa região como a vizinha Catas Altas. Lá a agricultura alavanca a economia produzindo riqueza. Eles vendem para toda a região o que produzido e chegam até Lafaiete”, assinalou.
A vereador Carla Sassí (PSFB) relatou que muitas associações não dispoêm de documentação para habilitar na licitação e pediu mais incentivo as organizações.